Mamoplastia: o que você precisa saber antes de marcar a cirurgia | Clínica Lindomar Delgado

Mamoplastia: o que você precisa saber antes de marcar a cirurgia

A mamoplastia é uma cirurgia plástica feita nas mamas para trazer mais autoestima para as mulheres que querem alterar o volume ou a forma de seus seios. A mamoplastia pode ser de aumento, com o uso de prótese mamária, ou redução, com a retirada de tecido mamário.

Os seios sempre foram uma parte do corpo responsável por fazer diferença na autoestima e no bem estar das mulheres. Por muito tempo, havia uma expectativa de tamanho e formato de peitos que as mulheres deveriam ter.
Com o passar das décadas e até dos séculos, o padrão de beleza do corpo da mulher se transformou em o que a gente considera o padrão ideal: aquele com que ela se sente bem, confortável, feliz e, mais importante, bonita.

No entanto, existem detalhes fundamentais que devem ser considerados na hora de decidir sobre a cirurgia. Saiba tudo que precisa antes de realizar sua mamoplastia.

O que é a mamoplastia e como ela é feita?

Como explicamos anteriormente, a mamoplastia é o nome usado para as cirurgias de aumento ou redução das mamas.

A cirurgia pode ser feita de maneiras diferentes, já que o método escolhido pelo médico sempre se adapta ao objetivo e ao corpo de cada paciente.

A mamoplastia redutora e a mamoplastia de aumento têm diferenças importantes e vamos esclarecê-las agora.

Mamoplastia de aumento

A mamoplastia de aumento dos seios acontece com o uso de implantes para aumento do volume da mama. O tipo e tamanho da prótese a ser utilizada deve ser conversado e decidido em acordo com o médico.

É indispensável que o cirurgião seja consultado sobre qualquer decisão envolvendo uma cirurgia plástica, pois ele vai ser capaz de avaliar a estrutura corporal e aconselhar melhor sobre o procedimento.

Essa cirurgia pode ser feita com um pequeno corte em volta do mamilo ou uma incisão nas axilas. O método utilizado deve ser decidido com o cirurgião para otimizar o resultado, reduzir os riscos e incômodos e garantir uma recuperação melhor.

Mamoplastia de redução

Embora muitas pessoas não compreendam, é comum que muitas mulheres recorram à cirurgia plástica para diminuir o tamanho dos seios. O excesso de volume das mamas está associado a um peso maior, o que causa desconforto com dores nas costas e nos ombros.

A mamoplastia redutora diminui o volume e o peso das mamas através da redução de tecido mamário. Embora a cirurgia de redução das mamas seja realizada majoritariamente em mulheres, essa cirurgia não é exclusividade para elas.

A redução da mama em homens ajuda pacientes que tiveram superdesenvolvimento das glândulas mamárias por questões hormonais, hereditárias, por utilização de medicação ou doenças.

Tanto para homens quanto para mulheres, a mamoplastia redutora corrige o volume e o peso das mamas para garantir maior conforto do paciente.

Apesar de parecer contraditório, existe a possibilidade da mamoplastia redutora ser realizada sem e com prótese. Em alguns casos, o uso da prótese de silicone vai garantir um resultado mais harmônico ao desejo do paciente.

Com a escolha pela retirada do tecido mamário, o paciente também deve conversar com o médico em relação ao uso da prótese, já que ela pode ser a solução para pacientes que se preocupam com a flacidez e o formato do peito.

Os principais detalhes de uma cirurgia de mamoplastia

A escolha da equipe médica

Escolher a melhor equipe para a sua cirurgia plástica vai garantir que você tenha a atenção e entendimento sobre todas as partes do procedimento desde o estágio pré-operatório ao momento em que a recuperação já foi concluída.

Na nossa equipe, temos uma fisioterapeuta exclusiva que assiste os pacientes antes e depois da cirurgia para garantir o melhor resultado.

A escolha da prótese

A escolha da prótese mamária sempre deve ser decidida entre paciente e o médico que vai realizar a cirurgia. Isso acontece para garantir que, além do objetivo e da expectativa do paciente, sejam levados em consideração o tamanho do tórax e a tendência à flacidez, por exemplo.

Essa decisão também deve ser pontuada pelos exames clínicos atualizados da pessoa que for aumentar ou reduzir as mamas.

O pré operatório

Embora muitas pessoas não considerem o pré operatório uma etapa fundamental para o sucesso de uma cirurgia, nós acreditamos que esse estágio é o principal para uma mamoplastia.

Realizar todos os exames médicos e esclarecer todos os pontos do procedimento com o cirurgião e com a fisioterapeuta antes da cirurgia vai tornar o pós operatório mais eficiente.

O pós operatório

Para garantir que o paciente não tenha muitas dores comuns em qualquer procedimento cirúrgico, existem cuidados que precisam ser tomados para garantir uma boa recuperação.

Seguir as orientações do médico e realizar as atividades de fisioterapia vai garantir que, além da recuperação mais rápida e segura, o resultado também evolua como esperado.

 

O incômodo com o tamanho dos seios não é detalhe quando afeta a autoestima e o bem estar de uma pessoa. Por isso, converse com o seu médico para tomar a melhor decisão.

Para saber mais sobre a mamoplastia, você pode entrar em contato com a nossa equipe.

Compartilhe este conteúdo